Como educar os filhos (até os 6 anos de idade)

Ter um filho é uma experiência mágica na vida de qualquer pessoa, porém além da alegria que traz uma criança, vem alguns problemas na criação que acabam tirando o sono das mães, especialmente quando o assunto são os pequeninos, que estão passando por uma fase fundamental na formação da sua índole e percepção do mundo.

O ambiente em que a criança vive

É comprovado que o ambiente em que uma criança vive exerce direta influência nos seus traços de personalidade, então se uma criança cresce em um lar desorganizado, onde as pessoas não se respeitam e as discussões são constantes, a tendência é de que ela se torne mais agitada e agressiva, quando um filho nasce, a sintonia da casa deve mudar em função da sua criação.

O ambiente familiar deve ser acolhedor, deve existir colaboração entre todos os que moram na casa para que a criança cresça acostumada a perceber que cada um deve fazer a sua parte para que se conquiste um ideal, mesmo que ele seja apenas de manter a ordem (o que é de extrema importância).

Como ser respeitado pelos filhos

Os pais precisam também ter autoridade ao falarem com os filhos, mas não se engane, por mais que seja parecido, ter autoridade não é sinônimo de ser autoritário, os pais precisam demonstrar afeto e atenção ao que os filhos dizem e fazem, participando o quanto for possível das suas atividades, porém é necessário ser firme quando os desejos se tornam apenas capricho.

Estudos afirmam que a criança que não recebe carinho dos pais acaba virando um adulto que não se gosta. Esta fase de formação é muito importante na vida de cada ser, então, uma boa educação aos filhos não significa para os pais apenas ter mais tranquilidade em sua criação e sim um passo importante na construção de um ser melhor.

Como encontrar o equilíbrio entre ser firme e dar liberdade aos filhos

A base de uma boa educação aos filhos é saber enxergar o ponto de equilíbrio em todas as coisas, não se deve prender os filhos demais, evitando que eles brinquem por medo de que eles se machuquem, ou sendo rude por qualquer motivo. Permita que seus filhos façam bagunça, espalhem os brinquedos, desde que ao final da brincadeira eles organizem tudo. Uma criança que vive presa, pode acabar crescendo reprimida e medrosa.

Por outro lado, a criança também não pode ter a liberdade de fazer aquilo que quiser se não for a hora e nem se ainda for nova demais para fazer, uma criança que faz tudo o que quer pode se tornar mimada e não respeitar as necessidades e desejos das outras pessoas.

Conclusão

Criar os filhos não é algo simples, exige dos pais muito bom senso para definir quais são os limites a se colocar e saber passar isso de uma maneira firme, mas mostrando sempre que faz por amor, sem parecer pura impaciência. Curta bastante os seus filhos, dê a eles todo o carinho que puder, mas não permita que eles assumam o comando das coisas.

Your email address will not be published. Required fields are marked *